Novo longa de Breno Silveira é inspirado no cangaço

“A Costureira e o Cangaceiro”, novo filme de Breno Silveira (“Dois Filhos de Francisco”) – na foto, de camiseta rosa –, que acaba de ser rodado no município de Piranhas, em Alagoas, e em Pernambuco, no Recife antigo e em Olinda, é baseado no livro homônimo da recifense Frances de Pontes Peebles.

A história se passa nos anos 1930 e fala sobre duas irmãs que moram na casa de uma tia, a melhor costureira da região. As duas irmãs, com suas personalidades, dão o tom ao filme.

A atriz Nanda Costa (foto) é Luzia, uma menina corajosa que se envergonha de uma deficiência física; Emília (Marjorie Estiano), não gosta do lugar onde mora e sonha em ser uma dama da capital. A ação gira em torno do sequestro de Luzia por um bando de cangaceiros.

No elenco do filme, ainda estão Leticia Colin, Julio Machado, Rômulo Estrella e Fabio Lago. Uma coprodução da Conspiração e Globo Filmes, “A Costureira e o Cangaceiro” deve estrear nos cinemas em 2017, com distribuição da H2O Films.

Relacionados

Compartilhe

(0) Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>