Notícias Últimas Notícias — 12 agosto 2017

A Agência Nacional do Cinema – ANCINE vai passar a publicar regularmente no OCA – Observatório Brasileiro do Cinema e do Audiovisual os informes sobre os Resultados Mensais da TV Paga. O anúncio foi feito no último dia 10, na sede da Agência, no Centro do Rio de Janeiro, pela diretora-presidente em exercício, Debora Ivanov, e pelo diretor Roberto Lima.

Participação de conteúdo brasileiro na grade geral e no horário nobre, distribuição das obras nacionais por faixa horária, média semanal de programação brasileira são alguns dos dados que serão consolidados e divulgados publicamente todos os meses. O informe também trará rankings dos títulos mais exibidos no horário nobre e dos canais com mais tempo de programação brasileira dentro da TV paga.

Na apresentação, os servidores Roberto Walter Ferreira Júnior, coordenador de Monitoramento de Televisão Aberta e Paga, Carlos Henrique Nascimento da Silva, especialista em Regulação da Atividade Cinematográfica e Audiovisual, e Luana de Freitas Costa, técnica em Regulação da Atividade Cinematográfica e Audiovisual, detalharam as metodologias e os informes relativos ao monitoramento e à tabulação dos dados. Eles também mostraram os primeiros resultados processados, utilizando como exemplo os dados de novembro de 2016.

De acordo com os dados levantados, nos canais de espaço qualificado submetidos à cota de 3h30 de conteúdo brasileiro no horário nobre, a maior incidência de programação brasileira é no horário das 18h às 19h30, e 13,4% do percentual de horas de programação no horário nobre são de obras brasileiras, sendo 9,7% obras independentes e 3,7% não independentes.

Além disso, o monitoramento revelou as produções brasileiras de espaço qualificado com mais horas de programação. “HQ”, documentário exibido na HBO, foi a obra independente que mais tempo foi veiculada, enquanto “Vai que Cola”, pelo Multishow, foi a não independente com maior exibição. Outro ranking listou as emissoras com mais horas de programação brasileira no horário nobre. Na ordem, Multishow, Canal Viva, GNT, Discovery Home and Health, Fox 1, A&E, Telecine Touch, Lifetime, Comedy Central e Paramount Channel.

Os resultados são produzidos a partir de informações extraídas dos relatórios que as programadoras de TV enviam mensalmente à ANCINE, via Sistema de Recepção de Programação de TV (SRPTV).

Relacionados

Compartilhe

(0) Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>