Sobre a revista

A Revista de CINEMA circula desde 2000, tornando-se em mais de uma década o principal veículo de difusão do cinema brasileiro. A publicação tem uma marca de credibilidade em sua linha editorial, procura difundir os melhores filmes e melhores diretores, prospectar a cadeia produtiva do audiovisual e apontar tendências. É um farol para mostrar aos iniciantes os caminhos da realização audiovisual, como também mostrar as melhores cabeças do cinema e da produção atualmente no Brasil.

O papel da Revista de CINEMA como peça estratégica na consolidação do novo cinema brasileiro, surgido nos últimos dez anos, deve-se especialmente ao seu conteúdo independente e de credibilidade. Um novo tipo de jornalismo para um novo tempo. Uma publicação que não adjetiva suas matérias, e tem um olhar crítico às condições para a realização de nossos filmes. A publicação foi fundada pelo jornalista e escritor Hermes Leal, que trabalha na imprensa cinematográfica desde os anos 80.

A Revista de CINEMA é parceira dos principais festivais de cinema do país, como o Festival de Gramado, de Brasília, Recife, Cine Ceará, Tiradentes, entre outros. Promove eventos dedicados ao audiovisual, apoio aos roteiristas em grandes eventos, e presença constante nos principais eventos culturais e de mercado no país. Realizou em parceria com o Senac SP o Fórum de Produção de Cinema, abordando as questões mais pertinentes do audiovisual. E teve edições em inglês distribuídas entre 2005 e 2009 nos principais festivais de cinema do mundo, como Cannes, Berlim, Toronto, Los Angeles, entre outros.

O site da Revista de CINEMA utiliza-se de matérias publicadas na revista impressa, assim como também produz seu próprio conteúdo, especialmente informações diárias sobre a atividade audiovisual, dos lançamentos no cinema, das novas produções para o cinema e a televisão. Tem uma sessão exclusiva e com destaque para a produção de TV e o cinema feito fora do eixo Rio/São Paulo.

Nova distribuição

A Revista de CINEMA firmou parceria com a Spcine e, a partir de janeiro de 2015, está sendo distribuída, gratuitamente, em centros culturais, bibliotecas públicas e pontos de cultura da Prefeitura de São Paulo. São 10 mil exemplares, dos 16 mil totais, distribuídos pela Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo. Clique aqui e veja onde encontrar a revista.