A Rede DOCTV América Latina anunciou os 17 projetos vencedores da nova edição do Programa de Fomento à Produção e Difusão de Documentários Latino-Americanos, que aborda o tema “Música”. No Brasil, os representantes da rede que promove a iniciativa são a Empresa Brasil de Comunicação (EBC) e a Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura (Sav/MinC).

O projeto “No Gargalo do Samba”, da Cabelo Duro Produções, foi o vencedor brasileiro da convocatória. O documentário vai abordar a vida e a obra do músico Nereu Gargalo, do Trio Mocotó, banda de samba-rock, formada nos anos 1960, em São Paulo.

A previsão de estreia dessa produção nacional e dos demais documentários da sexta edição do programa DOCTV América Latina é no segundo semestre de 2018, na TV Brasil e nos demais canais de televisão públicos que formam a rede internacional.

A música como geradora de identidade cultural na América Latina embasou os projetos de documentários que compõem essa edição da iniciativa. O júri internacional formado por Luis Ospina, Francis Kandel e Raul Niño selecionou as propostas que conquistaram a sexta edição do programa de produção e distribuição de documentários.

A chamada conseguiu motivar 488 diretores e produtores de 17 países da região, que apresentaram uma grande diversidade de pontos de vista e abordagens sobre o tema. Durante a fase de inscrições, de 30 de março a 19 de maio deste ano, a seleção internacional recebeu 171 inscrições do Brasil, país que teve a maior quantidade de interessados no DOCTV América Latina VI.

Esta edição do programa tem como tema “Música”. Os documentários devem abrir possibilidade para relatos de experiências e histórias relacionadas à identidade cultural e ao acervo musical dentro da realidade de cada nação participante. As produções selecionadas devem apresentar uma visão original sobre situações e manifestações da diversidade cultural.

Os projetos passaram por um processo de triagem através dos Comitês de Seleção Nacionais, compostos por figuras das áreas de cinema documental, programação de festivais e televisão pública.

Os diretores e produtores de cada um dos projetos vencedores vão participar de uma Oficina de Narrativa e Realização de Documentários, de 7 a 11 de agosto de 2017, em Altos de Chavón, na República Dominicana, país que responde pela Unidade Técnica desta edição. O workshop terá como conselheiros Marta Andreu, Everardo González, Carmen Guarini e Fernando Franco, entre outros.

Relacionados

Compartilhe

(0) Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>